Skatepark x Street Plaza

Tenho notado recentemente, uma forte tendência no mundo dos skateparks para realização de pistas cada vêz voltadas para o skate de rua.

Sendo um ponto marcante dessa tendência, a separação nos X-Games, das categorias ‘street’ e ‘park’, com o Street realizado em praças com características típicas de skate de rua, e o Park, numa mega arena que por sua vêz, é um super skatepark que centraliza além do skate, os evntos de BMX e Inline, e possui deversos elementos extremamente improváveis de se encontrar nas ruas.

Dentre as modalidades do skate, o número de praticantes do Street, é muito maior que as demais, por isso mesmo quando sou chamado a projetar uma pista, geralmente a primeira coisa que procuro colocar é uma área de com obstáculos de rua, de preferência com característica que possibilitem a realização de eventos, e um fluxo contínuo entre eles, daí, se ainda tiver área disponível e couber no orçamento, sigo pra colocar outros elementos que são utilizados por grupos menores de skatistas, que são Miniramps e Banks, que apesar de sererm os meus preferidos acabam sendo preteridos em nome da maioria.

Já há algum tempo vinha esperando a chance de realizar uma pista com características fortes de skate de rua, no final de 2003, entreguei um projeto para a prefeitura de Salvador, eu não tinha nem certeza que seria realizado, sabia apenas que ele serviria pra evitar que construíssem um projeto absolutamente LEIGO, que eles tinham em mãos, e cairia em desuso rapidamente pelas suas próprias características, deixamos então acertado que o pagamento pelo projeto estaria vinculado e realização do mesmo.

Esquema 3D

Nesse projeto, talvez antevendo essa tendência, optei por um grande maciço central com duas alturas, diversos gaps, escadinhas, double-sets, canteiros, bordas e inclinações inspiradas naquelas escolinhas americanas, que sempre aparecem em videos, ou seja uma área tipicamente STREET. E pra compor todo o entorno dele coloquei quarters, corners, funboxes, e savanas mais radicionais, que serviram pra geral velocidade e impulso aos atletas, e ainda sobrou espaço pra uma minirampa dupla em W.

Em junho de 2006 essa pista começou a sair do papel, mas por questões políticoburocráticas, as obras pararam, mas ao que tudo indica devem ser retomadas já em Janeiro de 2007. Espero ver essa ‘pistinha’ (1200 m²) inaugurada, e mais outras surgindo com características de skate de rua, de preferência cada vêz mais com Banks / Bowls, inseridos numa praça altamente streetavel.

Clique pra ver maior

Comentem deixando suas oponiões e preferências sobre essas tendências, quem sabe não sai uma pista na sua cidade do jeitinho que você sonhou.

7 opiniões sobre “Skatepark x Street Plaza”

  1. Eu, particularmente, acho que os skate parques não deveriam se prender muito a obstaculos que simulem a rua, pois a essência de andar na rua está para a descoberta de novos picos, dar impulso no gás e etc. Mas ta valendo, o que rolar para agregar no skate é bem vindo…skate sempre

  2. Grande Belote, arabéns, seu site ficou muito legal! A idéia de disponibilizar a planta da mini ramp matou a pau!!! Sou seu fã. Estarei chegando em Salvador em 12 de Janeiro para aqueleas sessions e partidas de xadrez. Te aviso antes, ok? Abração.

  3. pooo tem como vc me manda ai o projeto pra mim fazer uma quarter pipe pq eu moro em brasilia e n tem muitos skates parks aki pra falar a verdade nenhum perto d casa

    valeu!!!

  4. Poxa , galera . Aqui em Loão Pessoa , tivemos a chance de fazer 3 grandes projetos no passado. TODOS levavam o vertical e transições como principal característica . NUNCA o skate foi contemplado com uma área que represente os anseios dos streeteiros que hoje é sem dúvida em sua maioria as ruas. Essa história de dizer que o massa do street é sair por ai a procura de obstáculos é verdade , mas aqui em Jampa , já utilizamos todos. Não existe mais um pico que não tenha sido ,usado ou que tenha sido explorado , proibido ou danificado. Rara são as vezes que um pico é perto e para juntar uma boa galera pra sair é fogo. Eu geralmente quando vou filmar já nem rola pois ja tenho centenas de imagem do mesmo pico dai ficamos sempre pensamos que um dia teríamos que ter um pico pra street .

    Dai veio a chance de bolar algo e a dúvida surgiu: um Street park ou uma praça de Street ?
    uia , então vamos fazer uma praça , um half -banks , e uma área para patinação . Dai surgio a Skate Plaza Manaira . Plaza , em homenagem a ideia de praça concebida por Rob Dirdek que foi Exibida no documentário Ground breaking que foi muito bem recebida por nos e traduzia no que queriamos . Além do verde , bordas , escadas e corrimão teremos vertical e pra galera do in line novata e experiente . Emfim , era tudo que queriamos .

    estão convidados desde já .
    axé

    É uma tendência galera e os custos podem ser cortado bastante pela implementação de verde o que diminui a concretagem. nessa horas de combater o aquecimento global atpe a terra agradece .

  5. Amigo na minha cidade não tem pista de skate ! temos um espaço não muito grande na escola mas da para fazer umas coisa legal la !! Eu queria saber como posso começar ! Eu teria que mostrar a planta para o prefeito né ? Mas fica caro para montar uma pista ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *